Cookies de aveia, banana, passas, castanha de caju e coco

quinta-feira, 2 de agosto de 2007

Cookies

Ontem foi um dia de muita atividade na minha cozinha. Precisava fazer pão com as batatas que estavam cozidas e amassadas, na geladeira. Mas, como sempre, eu não me contentei em ter pouco trabalho - resolvi fazer cookies, para aproveitar o tempo enquanto a massa do pão crescia. Escolhi uma receita do Pecado da Gula (eu adoro as receitas da Akemi).

Vou transcrevê-la abaixo e depois teço os meus comentários.

Ingredientes:

280g de margarina em temperatura ambiente ou 250g de manteiga sem sal (usei 280g de margarina)
165g de brown sugar (usei açúcar mascavo)
100g de açúcar branco
1 ovo levemente batido
1 colher (chá) de essência de baunilha
190g de farinha de trigo
1 colher (chá) de bicarbonato de sódio
1/2 colher (chá) de sal
1 colher (chá) de canela em pó
1/2 colher (chá) de noz moscada em pó
1/4 colher (chá) de cravo moído
245g de aveia
2 bananas bem maduras (usei 2 bem amassadas)
220g de uvas passas (coloquei só 200g e ainda achei muito)
75g de coco ralado em flocos (não tinha coco em flocos, coloquei uma mistura de coco ralado com castanha de caju moída)

Modo de preparo:

Preaqueça o forno a 190oC. E forre as assadeiras que vai usar com papel manteiga.
Depois, numa tigela, bata com batedeira a margarina com os açúcares até formar um creme. Junte o ovo e a baunilha e bata mais um pouco. Junte a farinha peneirada com o bicarbonato, o sal e as especiarias. Bata em velocidade baixa até a farinha se incorporar ao creme. Desligue e junte os demais ingredientes. Misture bem e vá colocando às colheradas na assadeira. Deixe bastante espaço entre eles, pois a massa se esparrama bastante enquanto assa.
Leve ao forno para assar por cerca de 20 minutos ou até que estejam coradinhos. Deixe na assadeira por alguns minutos antes de colocá-los na grelha para esfriar. Conserve em latas bem fechadas.

Os meus comentários:

Crendeuspai, como essa massa rende. Eu já estava começando a ficar desesperada - quanto mais eu levava os cookies ao forno, mais tinha para levar. No final, tudo acabou dando certo, mas foi bem assustador. Acho que eu farei meia receita, da próxima vez (que, pelos meus cálculos, deve ser lá em meados do ano que vem, de tanto cookie que tem aqui em casa).

E, como você pode ver pelo blog da Akemi, de onde tirei essa receita, o cookie fica 'fofinho' de um jeito desagradável quando você o tira da assadeira. Mas depois que ele descansa na grelha, fica crocante. Tenha fé. Por fim, eu colocaria um pouco menos de açúcar e de passas. E usaria, de fato, os flocos de coco. Deve ficar ainda melhor.

Pão de batata

Ah, e como o grande motivador dos cookies foi o pão (e o seu tempo de descanso), vou botar aqui do lado uma fotinho dele, só para que ele não fique enciumado. Esse carocinhos dourados nele são pedaços de queijo ralado derretidos (há três variedades de queijo: dois holandeses e um mineiro). A massa foi sovada na bancada de granito (minha bacia de preparar massa de pão anda encostada... é que a massa que 'apanha' na bancada exige menos farinha para dar ponto).

Um comentário:

mutt disse...

fiz e ficaram uma delicia

Printfriendly