Risoto de bacalhau

segunda-feira, 4 de agosto de 2008

Tem gente que eu levo muito a sério. Uma dessas pessoas é a Ana Elisa, do La Cucinetta (visitem o blog dela, babem e vejam o porquê). A Ana falou, a água parou. E se ela diz que quem faz um risoto faz todos, quem sou eu para discordar?

Inspirada pelo post da Ana, fiquei toda valente. Resolvi que ia fazer bacalhau pela primeira vez. E ia ser risoto. De preferência, sem receita.

Ficou lindo, cheiroso e o que é melhor: ficou bom demais. Ai, ai.

Risoto de bacalhau

Ingredientes:

1 colher (sopa) de azeite
1 cebola média picadinha
100 ml de vermute seco
1 xícara de arroz arbório
3 ou mais xícaras de caldo de peixe ou de bacalhau (fiz o meu com um cubinho de caldo de bacalhau com azeite)
250g de bacalhau dessalgado, em lascas
1 tomate maduro sem pele e sem sementes, cortado em cubinhos
Salsinha picada
1 colher (sopa) de manteiga
Um bom punhado de queijo parmesão ralado na hora

Modo de preparo:

Se você quer saber detalhadamente como preparar um risoto, eu recomendo a leitura do post da Ana. A Luciana, do Cafezinho das Cinco, também preparou uma coletânea de dicas bem legal.

De qualquer forma, eu fiz assim: primeiro, deixei meu caldo de bacalhau aquecido. Depois, já na minha panela de risoto, refoguei a cebola em azeite até ficar translúcida. Adicionei o arroz, refoguei um pouco e juntei o vermute, mexendo bem.

Depois que o vermute foi absorvido, fui adicionando o caldo de bacalhau, uma concha de cada vez, mexendo sempre até o líquido ser absorvido (só não sei quantas conchas foram, eu sempre me esqueço de contar).

Quando os grãos de arroz ficaram quase do jeito que eu gosto (macios, mas não desmanchando), adicionei o tomate, o bacalhau e mais uma concha de caldo. Misturei bem até que tudo ficasse incorporado.

Quando o risoto ficou no ponto, apaguei o fogo, botei mais um tantinho de caldo, mexi bem, acrescentei a salsinha, o queijo e a manteiga e servi.

Rendeu 3 porções bem servidas.

16 comentários:

Ana Elisa disse...

Menina, assim que eu gosto, com a cara e a coragem! Está com uma cara ótima! Adoro risotto de bacalhau (tem um divino no Le Vin Bistrot), mas nunca faço porque o ómi aqui não gosta... :P
Beijos!

Leila disse...

Está com uma cremosidade e uma cor incrivel.
beijinhos

Fabrícia disse...

O aroma deve ser incrível....adorei o post, a determinação.... Isso mesmo...
Bjs.

Luciana Macêdo disse...

Concordo plenamente com as amigas, fazer para ver como é que fica, e ficou uma delícia com certeza. O visual confirma.
Bjs!

ameixa seca disse...

Ficou lindo :) E bacalhau é mesmo o Rei à mesa...

Marizé disse...

Arroz de bacalhau é das melhores coisas que há.
Está com óptimo aspecto.

Bj

pipoka disse...

Ainda bem que vc se armou em valente, pois o resultado está fantástico!

bjs

Eliana Scaramal disse...

Que lindo ficou e como bem disse a Leila muito cremoso, delícia!

Letrícia disse...

Ana, bacalhau é um dos poucos ingredientes para os quais eu não faço concessão. Ainda bem que o hômi gosta.

Leila, eu não imaginava que o tomate traria tanta cor ao risoto. Que bom!

Fabrícia, o cheiro é um espetáculo, mesmo.

Obrigada, Luciana!

Ameixa, o meu prato preferido é bacalhau. Adoro!

Marizé, algum dia eu hei de visitar Portugal e me fartarei com todos os pratos de bacalhau que há por aí. E depois voltarei num Jumbo, sozinha, de tão gorda ;-)

Pipoka, agora só preciso superar o medo de claras em neve. E de flambar ;-)

Eliana, obrigada!

Beijos, queridas!

Mari Rezende disse...

Não poderia ter escolhido referências melhores pra te guiar! Realmente, as dicas da Ana são perfeitas...
Beijinhos

Letrícia disse...

Também adorei essas dicas da Ana. O arroz arbório que me aguarde ;-) Beijos, Mari!

Cláudia disse...

Preciso fazer este risoto. Deve ser super delicioso. Está perfeito.

Entrei no outro No Calor de Fogão e copiei várias receitas suas. Aos poucos elas vão aparecendo lá no meu blog.

beijos

Letrícia disse...

Ah, Cláudia, eu sou suspeita, porque amo bacalhau. Mas o risoto fica muito bom, mesmo :-)

Beijos!

PJ disse...

Oi Letricia!

Depois de muito tempo sem cozinhar vou fazer esse seu risoto hoje. E despedida de um amigo nosso aqui em NY. Vou precisar de sorte pra acertar o ponto do arroz, mas... Nao custa nada tentar! :-) Depois te falo se ficou bom, ta?

Beijosssssssssssss.

Letrícia disse...

Paula, tomara que tenha dado certo! Beijos!

PJ disse...

Entao, o arroz nao ficou muitooo no ponto nao. Devia ter colocado a ultima concha de caldo antes de servir, mas sempre fico com meda. O Diones adorou! Repetiu e tudo, mas nao da pra confiar muito em gosto de marido, ne? Hahahhah... Quando me aventurar outra vez pela cozinha te mando um recadinho.

Beijos.

Printfriendly