Pumpkin bread da Sara

segunda-feira, 31 de março de 2014

Comer bolo, que é bom, não como nada. Mas falar de bolo, que é quase tão bom quanto, eu faço sempre. Outro dia, estava conversando com uma colega querida do trabalho e ela comentou sobre um bolo que sua irmã preparava com abóbora e especiarias. Eu, que tenho palpitações só de ouvir falar em receitas com ingredientes pouco usuais, já me assanhei. Pedi a receita e executei assim que cheguei em casa.

O que é o cheiro desse bolo assando, minha gente. Perfuma a casa toda. E, embora o nome da receita seja pumpkin bread, ele não tem textura pesada - é leve como um bolo de cenoura. Quanto ao sabor, o que posso dizer é que todos que comeram ficaram apaixonados. No trabalho, num instante, não restou nem farelinho - mas sobrou gente pedindo a receita.

 
Receita adaptada da Sara, irmã da Ana Paula :-)

Ingredientes:

1 xícara (chá) de abóbora japonesa, picada (pode ou não estar cozida - usei cozida)
¼ de xícara (chá) de maçã descascada (usei uma gala pequena, sem miolo e sem casca)
¼ de xícara (chá) de óleo (usei canola)
2 ovos
½ xícara (chá) de açúcar branco (não usei)
½ xícara (chá) de açúcar mascavo (usei 1 xícara)
1 ½ xícaras de farinha de trigo (usei 1 1/3 de xícara)
½ xícara (chá) de fubá (usei 2/3 de xícara)

2 colheres (chá) de canela em pó
½ colher (de chá) de noz-moscada
1 ½ colheres (chá) de fermento em pó
1 colher (chá) de bicarbonato de sódio
¼ de colher (chá) de sal
½ xícara (chá) de passas pretas*

Modo de preparo:

Preaqueça o forno a 180ºC. Unte e polvilhe com farinha uma forma média de bolo inglês (usei 2 pequenas decartáveis, sem untar nem nada).

A receita pode ser inteiramente preparada no liquidificador, mas eu preferi usar o mesmo método que utilizo para fazer bolo de cenoura, que é o que apresentarei agora.

No liquidifcador, bata juntos a abóbora, a maçã, o óleo e os ovos até obter um líquido uniforme. Adicione o açúcar e bata até incorporar. Reserve.

Numa tigela grande, combine a farinha de trigo, o fubá, a canela, a noz-moscada, o sal, o fermento e o bicarbonato de sódio. Deite nos ingredientes secos a mistura de abóbora batida e incorpore delicadamente, com o auxílio de uma espátula. Por fim, adicione as passas, misturando delicadamente para distribui-las na massa.

Despeje a massa na assadeira preparada e leve ao forno até que o bolo passe no teste do palito (meu forno anda tão doidinho que eu nem me arrisco contar quanto tempo levou).

Deixe o bolo esfriar numa grade antes de desenformar. Sirva morno ou em temperatura ambiente, com um café fresquinho ou um chá de especiarias.

 


Observação final:

Para que as minhas frutas secas não fiquem ressecadas, gosto de hidratá-las em um líquido quente - pode ser água, chá, rum, o que me parecer mais adequado na hora. Para hidratar as que usei nesse bolo, preparei um chá de maçã com especiarias - de saquinho mesmo - e deixei as passas nele por uns 15 minutos. Ficaram gordinhas e cheirosas.

3 comentários:

Eva Gonçalves disse...

Mas que bonito que ficou.
Gostei do blog e ja estou a seguir.
Aproveito e convido-te a visitar o meu. É recente e surge na sequencia da minha participação no Masterchef Portugal. espero que gostes e sigas.

sandra neiva disse...

um bolinho lindo e com tão bom aspecto, ficou com uma textura perfeita e sabe tão bem nestes dias frios com um chá.

beijinhos

Cintya Maria Pedroso Ferrari disse...

Oi Letícia! Td bem?
Conheci o seu blog através da Lylia, do Simples Assim, onde ela postou a receita desse bolo de abóbora.
Adorei a receita e a oportunidade de poder conhecer o seu cantinho. Já estou te seguindo, pois não quero perder nada daqui pra frente!
Parabéns pelo blog, que além de lindo, é delicioso!
Beijinho!

Printfriendly