Granola da boa, granola do bem

quarta-feira, 4 de março de 2015

Você já deve ter percebido que eu ando numa fase de granolas, né. Tenho gostado muito de comê-las com frutas, iogurte ou leite no café da manhã, ou substituindo o jantar. São opções rápidas, práticas e muito gostosas.

Nos últimos tempos, descobri granolas saborosíssimas, como você pode ver  aqui e aqui. Apesar de ter apreciado até demais o seu sabor, fiquei um pouco desconfortável ao comê-las - aquele desconforto que dá quando a gente sabe que não está se alimentando tão bem como deveria. Não me leve a mal - aveia é muito bom, sim. Mas uma granola pode ser mais do que isso, em termos nutricionais.

Foi então que tive um estalo: por que não combinar a filosofia da granola circunstancial, da Neide Rigo, com uma base de sabor mais intensa, como a da Joy Wilson? Virei, mexi e criei a minha granola.

Gente, que resultado surpreendente. Fiquei apaixonada pela textura delicada, com gruminhos aqui e ali, e o sabor incrivelmente bom. Pensei em adicionar frutas secas ou gotas de chocolate com ela já pronta, mas desisti - ela é redondinha do jeito que está, não precisa de mais nada.

Granola do bem
Receita desenvolvida por mim inspirada nessas duas daqui

Ingredientes:

2 1/4 de xícara de aveia em flocos grossos
1/2 xícara de quinoa em flocos
1/2 xícara de amaranto em flocos
1/2 xícara de farelo de linhaça
1 pacote de flocos de coco úmidos e adoçados
1 colher (chá) de canela em pó
1 pacote de mix de sementes Jasmine (ou 40 g de sementes de abóbora, linhaça, soja e girassol torradas)
1/4 de colher (chá) de sal
1/2 xícara de açúcar de coco
1/4 de xícara de mel
1/2 xícara de óleo de coco

Modo de preparo:

Forre uma assadeira para cookies com papel manteiga, deixando sobras nas pontas. Ligue o forno a 180ºC.

Numa tigela grande, junte a aveia, a quinoa, o amaranto, a linhaça, os flocos de coco, a canela, o mix de sementes e o sal. Misture bem com uma colher de pau e reserve.

Numa panelinha, leve ao fogo o óleo de coco, o mel e o açúcar. Mexa ocasionalmente até que a mistura levante fervura. Apague o fogo e deixe esfriar um pouco. A mistura não ficará homogênea - o óleo de coco ficará separado do restante dos ingredientes.

Com a mistura líquida menos quente, despeje-a sobre os ingredientes secos, misturando bem com a colher de pau até que tudo fique úmido.

Espalhe a granola crua na assadeira preparada, cuidando para deixá-la uniformemente distribuída. Leve ao forno por 30 minutos, revolvendo a mistura com uma colher de pau a cada 10 minutos. Não se esqueça da granola nas bordas da assadeira, pois ela tende a queimar mais rápido. E não se esqueça de deixar tudo espalhadinho de maneira uniforme.

Ao final de meia hora, a granola deve estar dourada e cheirosa. Retire-a do forno e deixe a assadeira esfriar sobre uma grade. De vez em quando, dê uma revolvida nela, para que se solte facilmente do papel manteiga.

Quando ela estiver completamente fria, armazene em potes hermeticamente fechados. Deve durar pelo menos duas semanas.

Granola do bem

Observações finais:

* Dependendo de onde você more, deve estar com raiva de mim, perguntando "Onde é que eu vou achar esse tanto de ingrediente louco?". Há uma loja virtual bacana que vende tudo isso. É nela que eu compro meus suplementos esportivos e tudo quanto é tipo de ingrediente saudável. Os preços são bons e eu nunca recebi um pedido atrasado.

* Não, isso não é um post publieditorial. Eu realmente sou cliente dessa loja - jamais indicaria uma loja/produto/serviço que eu achasse mais ou menos ou que desconhecesse.

* Update (set/2015): Às vezes a gente se deixa levar pelo entusiasmo de gente bem intencionada - profissionais da área de nutrição, inclusive - e se joga em um determinado ingrediente, confiando em seus benefícios à saúde. Foi o caso do óleo de coco. Hoje, sabe-se que ele não é tão amigão da saúde assim (veja o posicionamento oficial da Sociedade Brasileira de Endocrinologia e Metabologia e da Associação Brasileira para o Estudo da Obesidade e da Síndrome Metabólica). Assim, fique à vontade para substituir o óleo de coco utilizado nesta receita por outro de sua preferência.

2 comentários:

Clara Brito disse...

Gosto muito de granola. Sabe tão bem comer misturada com iogurte e fruta fresca.

Beijinhos,
Clarinha

http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/2015/03/velvet-de-limao.html

O cantinho dos Gulosos disse...

granola é sempre bom , bom sabor e aquele crocante muito bom.


www.ocantinhodosgulosos.blogspot.pt

Printfriendly