Galinhada da Rita Lobo

sábado, 17 de setembro de 2016

Todo dia, enquanto dirijo de volta para casa com as crianças, procuro saber como foi o seu dia na escola fazendo um monte de perguntas: "hoje teve balé?", "o que você gostou de desenhar?", "qual foi a brincadeira mais legal?", "qual foi a comidinha mais gostosa que você comeu?". À última pergunta, Alice normalmente responde "Nadinha", para minha tristeza (e das nutricionistas da escola). A coisa só muda de figura quando é dia de 'arroz amarelo' - também conhecido como galinhada.

Sabendo do gosto da pequena por esse prato, quis prepará-lo em casa. Sabia que a Rita Lobo havia feito galinhada em um episódio do Cozinha Prática e fui atrás da receita. Pareceu tão simples que reproduzi de memória, adaptando quantidades e acrescentando meus pitacos. Gabriel e minha mãe aprovaram. Já a Alice... :-/

Galinhada da Rita Lobo
Receita livremente adaptada daqui

Ingredientes:

2 fios de azeite
1 filé de peito de frango cortado em cubinhos de 1 cm
1 cebola média picadinha
2 dentes de alho picadinhos
1/4 de colher (chá) de cúrcuma em pó
1/4 de colher (chá) de cominho em pó
1 pitada de páprica picante
1 xícara de arroz branco cru
Suco de 1/2 limão espremido na hora
1 cenoura média ralada no ralo fino
1 xícara de milho verde (pode ser em conserva, fresco ou congelado)
2 1/2 xícaras de água quente
1 colher (chá) de sal
2 tomates sem sementes, em cubinhos
Salsinha e cebolinha a gosto ao servir

Modo de preparo:

Numa panela média, aqueça um fio de azeite. Doure os cubinhos de frango (faça em duas levas, pelo menos, para que os cubinhos de frango fiquem dourados e suculentos, e não cozidos e borrachentos). Retire o frango da panela e reserve num prato.

Na sequência, acrescente mais um fio de azeite e doure a cebola, seguida do alho e das especiarias. Some então o arroz e deixe refogar por um minuto. Acrescente o suco de limão e misture com uma colher de pau para 'descolar' os restinhos do fundo da panela. Adicione a cenoura e o milho, devolva o frango à panela e misture tudo muito bem. Junte a água quente e o sal, mexa e prove - acerte o tempero, se achar necessário.

Abaixe o fogo e deixe o arroz cozinhar com a panela semitampada até quase secar. Quando isto acontecer, apague o fogo, acrescente o tomate picado, misture delicadamente e tampe a panela. Deixe descansar por 5 minutos.

Transfira a galinhada para a travessa de servir. Ou, para um esquema mais autêntico, deixe na panela mesmo e salpique cheiro verde picado por cima. Para acompanhar, eu iria de couve à mineira, mas vale uma saladinha verde.

3 comentários:

Renata disse...

Então Lê, eu fiz essa galinhada e meu frango ficou incomível de tão duro.. :( Acho que da próxima vez vou deixa pra acrescentar o frango no final do cozimento do arroz! Porque ficou gostoso, porém os pedaços de frango foram todos para o lixo..

Beijoca!

Clara Brito disse...

Parece me bem essa sugestão.

Beijinhos,
Clarinha
http://receitasetruquesdaclarinha.blogspot.pt/2016/09/acorda-descontroida-com-camarao-e.html

Letrícia disse...

Que triste, Rê! Como eu piquei o frango bem pequeno pra minha galera não engasgar, não deu para perceber bem a textura do frango. Mas fiquei pensando que talvez ficasse melhor com partes mais gordas do frango - sobrecoxa desossada picadinha, por exemplo, que é mais macia e saborosa.

Beijos!

Printfriendly